in ,

C&A lançará novo cartão de crédito com aval da Bradesco

C&A lançará novo cartão de crédito com aval da Bradesco

A rede de lojas C&A passou a fazer negócios com a Bradescard, que faz parte do grupo Bradesco, um acordo com o objetivo de tentar realizar o lançamento de um cartão digital e próprio em um formato independente.

No entanto, esse projeto só poderá avançar se a rede lojas conseguir o aval da Bradesco, que já possui parceria com essa varejista.

Como tudo começou

Tudo começou quando a varejista passou a ficar insatisfeitas com as regras de concessão de crédito, que é bem cautelosa, definida pela Bradescard, desta maneira, informou a empresa que deseja lançar um cartão de crédito próprio.

Sendo assim, as negociações atualmente se encontram em andamento e de acordo com fontes, não há sinalização certa de que haverá algum acordo, porém, o objetivo é que essa questão seja solucionada até o primeiro trimestre de 2020.

Em 2009, a C&A assinou um contrato de exclusividade com a Bradescard, que é responsável por emitir os cartões de crédito, por definir limites e também as taxas de juros, devido a esse acordo, a instituição possui o direito de aprovação ou reprovação de qualquer produto que seja financeiro e lançado pela C&A.

No cenário onde o Bradesco não aprove esse projeto, a rede de lojas possui a opção de recomprar essa operação de serviços financeiros, desta forma, será necessário pagar a multa que foi previamente definida em um contrato.

Isso exige que haja desembolso de caixa de rede em um prazo bastante curto.

A definição do preço da multa é realizada devido ao que foi definido no contrato como o prazo do acordo e até então só transcorreu metade desse prazo que é de 20 anos.

Para que o Bradesco pudesse ter exclusividade no exercício de exploração dos serviços financeiros da varejista C&A durante o período de 20 anos, o banco realizou a compra, em 2009, do Banco Ibi, que até então era o principal braço das finanças dessa rede de lojas pelo preço de R$ 1,4 bilhões.

O que acontece se o cartão é aprovado

Se todas as partes conseguirem fechar o acordo, o objetivo da C&A é conseguir lançar o cartão digital, que irá permitir os consumidores de realizar empréstimos pelo aplicativo e site, ainda durante os primeiros meses de 2020.

Esse novo aspecto é essencial para as atuais estratégias dessa empresa e essa ação foi definida, pois durante algumas reuniões realizadas com investidores antes do IPO, foi dito pelo comando da C&A aos gestores da rede de lojas que é necessário ampliar o número de financiamento das vendas.

Atualmente, as taxas de vendas se encontram em níveis baixos quando se é comprado as rivais, como Pernambucanas, Renner e Riachuelo.

Essas redes de lojas não fizeram negócios de área financeira com os bancos parceiros, sendo assim, possuem autonomia para conseguir gerir as operações e determinar o ritmo para conceder crédito.

Porque a C&A quer lançar um novo cartão

É muito comentado nos bastidores que a decisão da C&A em desenvolver um novo cartão é uma resposta à postura da própria Bradescard que possui uma política de liberação de crédito malvista.

É muito incomodo para C&A o fato de que a Bradescard mantem a liberação de crédito para os clientes de forma restritiva, mesmo quando ocorreu melhorias no ritmo de recuperação da economia.

A C&A fez um alerta que a Bradescard impões regras que restringem a concessão de crédito e isso afeta a forma adversa dos negócios e também as estratégias para expandir.

Já no Bradesco existe uma cautela grande devido aos riscos de calote por parte dos clientes, que já foi muito identificado em outras partes desse setor.

Fico feliz que leu ate aqui, isso mostra que nosso artigo esta bem interessante! Não esquece de compartilhar para ajudar nosso blog a crescer ok? Qualquer duvida pode nos enviar na pagina de contato, Abraços equipe Vagas em SP.

Written by admin

FAZER CARTÃO DE CRÉDITO VISA

4 maneiras inteligentes de gastar o restante do orçamento em investimentos