in

4 maneiras inteligentes de gastar o restante do orçamento em investimentos

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, fazer investimentos é para todos. Aliás, se você procura uma forma de aplicar com inteligência os valores que tem guardado do seu salário, investir é o melhor caminho.

Parece inacreditável, mas é possível fazer seu dinheiro trabalhar a seu favor com apenas R$ 100. De fato, existem vários tipos de investimentos acessíveis, como Tesouro Direto e os CDB’s.

Com o intuito de falar mais sobre esse assunto, indicamos alguns dos melhores investimentos para você aplicar o restante do seu orçamento. E não importa se o que sobre do seu salário é pouco. Continue na leitura e invista agora!

 

Maneiras inteligentes de fazer investimentos com o que sobra da renda #1: o Tesouro Direto

 

O Tesouro Direto é, com certeza, um dos investimentos em renda fixa mais seguros e rentáveis do mercado financeiro.

Em linhas gerais, podemos definir esse investimento como títulos da dívida pública federal, os quais são emitidos pelo próprio Tesouro Nacional.

Atualmente, existem várias formas de se conseguir investir no Tesouro Direto, uma para cada perfil de investidor. São elas as seguintes:

  • Tesouro IPCA+;
  • Tesouro prefixado;
  • Tesouro Selic;
  • Fundo de Tesouro Direto.

Para os investidores que querem aplicar pequenos valores que sobram de suas rendas, a opção mais recomendável é o Tesouro Selic.

Isso porque ele oferece menores riscos de perdas ao ser negociado, pois tem uma volatilidade menor do que a de outros investimentos.

É importante também atentar para as taxas de custódia cobradas pela BM&Bovespa, as quais podem chegar a 0,30% ao ano.

Há ainda as tarifas cobradas pelas corretoras responsáveis pela administração dos investimentos.

 

Maneiras inteligentes de fazer investimentos com o que sobra da renda #2: o Certificado de Depósito Bancário (CDB)

 

Outro conhecido investimento de renda fixa é o CDB. Esse investimento funciona como um empréstimo que se faz a um banco para que este possa fechar o dia com saldo positivo.

O valor “emprestado” deve ser devolvido pela instituição financeira acrescido de uma taxa, a qual pode ser pré ou pós-fixada.

No caso das taxas pré-fixadas, o investidor já pode saber quanto o investimento vai render ao fim da aplicação.

Ao contrário, no caso das pós-fixadas, os juros podem variar a depender de uma série de variáveis econômicas.

Essas taxas fazem com que o dinheiro do investidor comece a render a partir do momento em que ele faz a aplicação.

Assim como o Tesouro Direto, o CDB também considerado um investimento muito seguro, com menos chances de perdas.

Por isso, também é uma forma inteligente de aplicar as sobras do orçamento, haja vista que rende mais do que a poupança.

 

Maneiras inteligentes de fazer investimentos com o que sobra da renda #3: Letra de Crédito Imobiliário (LCI)

 

A LCI é mais um investimento de renda fixa, o que significa também que investir nessa opção é uma boa para quem não deseja correr muitos riscos.

No que diz respeito ao funcionamento desse tipo de investimento, ele é semelhante ao CDB.

Isso porque se trata de uma forma que os bancos têm de tomar “emprestado” valores de investidores para fornecer a seus clientes maneiras de financiar um imóvel.

Em outras palavras, é dessa maneira que os bancos captam recursos para emprestar aos clientes que desejam financiar um bem imóvel.

Nesse caso, o investidor faz o papel de credor da transação, lucrando a partir dos juros que resultam das taxas pré ou pós-fixadas.

Há ainda a possibilidade de adquirir LCI com taxas híbridas. Nesse caso, parte da rentabilidade é determinada de maneira pré-fixada, enquanto a outra parte pode estar vinculada ao IPCA ou a outro indexador.

 

Maneiras inteligentes de fazer investimentos com o que sobra da renda #4: os fundos de investimento

 

Os fundos de investimento são uma forma muito simples e inteligente de investir o que resta da renda mensal.

Isso porque eles rendem mais do que a poupança e não exigem conhecimentos especializados da parte do investidor.

Eles consistem na união dos recursos de vários investidores, os quais são aplicados no mercado financeiro com o intuito de gerar mais renda.

Os ganhos obtidos a partir dessas aplicações são distribuídos para todos os participantes, sendo eles proporcionais aos valores investidos por cada um deles.

No que diz respeito às aplicações e à administração dos fundos, estas são realizadas por instituições especializadas no oferecimento desse tipo de serviço.

 

Fazendo o seu dinheiro render muito mais com investimentos

 

À vista do que foi dito, podemos concluir que é possível fazer aplicações inteligentes com as sobras do orçamento. Ademais, esse tipo de iniciativa é acessível a todos.

De fato, atualmente, é possível fazer investimentos com pequenas quantias e conseguir rendimentos muito maiores do que os oferecidos pela poupança. Invista agora e veja seu dinheiro crescer!

 

E você, conhece mais maneiras inteligentes de aplicar as sobras da renda mensal? Compartilhe seu conhecimento!

 

Fico feliz que leu ate aqui, isso mostra que nosso artigo esta bem interessante! Não esquece de compartilhar para ajudar nosso blog a crescer ok? Qualquer duvida pode nos enviar na pagina de contato, Abraços equipe Vagas em SP.

Written by admin

C&A lançará novo cartão de crédito com aval da Bradesco

5 coisas que seu chefe deseja que você saiba sobre cartões de crédito